Missão

Contribuir para a massificação do pagamento electrónico em Angola e para a eficiência geral do sistema de pagamentos angolano, garantindo segurança, eficácia, comodidade e inovação, ao menor custo possível.

Visão

Posicionar-se como operador tecnológico de referência de sistema de pagamentos a nível nacional e do continente africano.

Valores

Integridade: Respeitamos os mais elevados padrões éticos.

Cooperação: Reconhecemos na cooperação o sustentáculo de sistemas de pagamento partilhados.

Orientação para o cliente: Procuramos sempre as versões mais valorizadas pelo cliente final.

Rigor: Cumprimos com rigor os nossos compromissos e prestamos contas de forma regular e transparente.

Qualidade: Pomos qualidade em tudo o que fazemos.

Segurança: Privilegiamos a segurança acima de tudo.

Formação contínua: Acreditamos que o homem é a base do desenvolvimento sustentado.

Órgãos Sociais

Membros do Conselho de Administração

Presidente do Conselho de Administração (em representação do BNA)

  • Dr. Pedro Maiangala Puna (em representação do BNA)

Presidente da Comissão Executiva

  • Eng. José Gualberto de Matos

Administradores Executivos (integrantes da Comissão Executiva)

  • Dr. Victor Humberto Ferreira de Almeida
  • Eng. Edgar Bruno da Costa

Administradores não-Executivos

  • Dr.ª Maria de Fátima da Silveira (em representação do BPC)
  • Dr.ª Otília Carmo Faleiro (em representação do BFA)
  • Eng. Fernando Aleixo Duarte (em representação do BIC)
  • Dr. Helder Aguiar (em representação do BAI)
  • Dr. Paulo Fernando Tomás (em representação do BMA)
  • Dr. Sandro Pereira Africano (em representação do BNI)
  • Dr. João Batalha dos Santos (em representação do BCI)

Mesa da Assembleia Geral

Presidente da Mesa da Assembleia Geral

  • Dr. Eduardo Pinto (em representação do Banco BE)

Secretários da Mesa da Assembleia Geral

  • 1º Secretário: Dr. Joaquim Briote (em representação do FINIBANCO)
  • 2º Secretário: Dr. Alegria Daniel Caxito (em representação do BCH)

Membros do Conselho Fiscal

Presidente do Conselho Fiscal

  • Drª Carla Van-Dúnem (em representação do BSOL)

Vogais do Conselho Fiscal

  • 1º Vogal: Dr. Rui Miguéis de Oliveira (em representação do BKEVE)
  • 2º Vogal: Dr. Tiago Contente (em representação do SBAO)
  • Vogal Suplente: Dr. Sabino Silva (em representação do BANC)

Comissão de Vencimentos

  • Coordenador: Dr. António Ramos da Cruz (BNA)
  • Dr. Emídio Costa Pinheiro (BFA)
  • Dr. Rosário Simão Jacinto (BPC)

Presidente

Mensagem do Presidente do Conselho de Administração

Senhores Accionistas,

Em conformidade com a Lei e com os Estatutos da sociedade, constitui para nós um dever de honra e um prazer estarmos aqui diante de V. Exas. para prestar-vos contas sobre a nossa gestão e apresentar-vos obviamente o Relatório, Balanço e Contas da EMIS, reportados ao Exercício Económico de 2014. O ano que findou parecia ser o desfecho da crise mundial desencadeada no início de 2008. Infelizmente, e quase que para surpresa de todos, nova crise se desencadeou em decorrência da quebra brusca do preço do petróleo a nível mundial, a partir do último trimestre do ano, provocando uma natural deterioração do ambiente macroeconómico também a nível do país.

Em face disso, foi imperioso conceber uma estratégia interna e pontual para implementar os necessários reajustes orçamentais, sem comprometer as metas consubstanciadas no Plano de Negócios oportunamente aprovado por Vexas, em Assembleia. Foi com isso possível assegurarmos o alcance dos objectivos traçados tal como V. Exas. puderam constatar ao longo do ano, através dos Relatórios Estatísticos distribuídos mensalmente. Foi assim possível fechar o exercício com 211 milhões de transações financeiras com cartão, contra 160,3 milhões registadas no último ano, o que representa um crescimento de 31,6 %. O parque de cartões de débito MULTICAIXA cresceu 34% em relação ao ano transacto, contribuindo assim a EMIS para o esforço da bancarização da população e para a inclusão financeira.

No que à execução dos projectos diz respeito, o cenário é francamente positivo: a entrada em funcionamento da Plataforma de Emissão e Gestão de Cartões é um facto, com oito bancos a emitirem os seus cartões internacionais de bandeira internacional através da EMIS, um passo importante para que a nossa sociedade se transforme efectivamente num processador universal; a conclusão do projecto de aceitação MASTERCARD em ATM foi também um facto marcante; a implementação da Câmara de Compensação está em vias de dar mais um importante passo, com a adição do subsistema de telecompensação dos Cheques. Pelo segundo ano consecutivo a empresa obteve a certificação internacional PCI/DSS.

Com vista à implementação de um site de backup para substituição do actual, que não reúne todas as condições exigidas, foi adquirido um terreno para o efeito na periferia de Luanda.

Para uma empresa da natureza da EMIS, um dos factores mais críticos para o sucesso é o factor humano. A empresa tem procurado adequar o seu quadro de pessoal às necessidades decorrentes do crescimento. Por isso a empresa iniciou em 2014 um programa de formação prolongada em contexto profissional com a ajuda do seu parceiro SIBS, com pessoal a ser deslocado, com esse intuito, para Lisboa. A Administração tem uma grande esperança nos resultados desta formação – que deverá ter continuidade, com os ajustamentos necessários.

No que concerne ao Balanço e Contas da EMIS do Exercício, foi uma vez mais demonstrada a solidez e o rigor que caracterizam a gestão e administração da sociedade, com uma evolução positiva, como atestam o Relatório da Auditoria Externa e do Conselho Fiscal da Empresa.

Com efeito, e a terminar, quero, em meu nome pessoal e em nome do Conselho de Administração da EMIS, agradecer o apoio de todos os accionistas e em especial do BNA, na condução da política e destinos da empresa. Aos trabalhadores e quadros da EMIS apraz-me igualmente dizer muito obrigado pelo esforço sempre pronto e abnegado colocado ao serviço da nossa querida instituição.

PEDRO PUNA - (PCA-Chairman)

AccionistasCapital Social
Valor (AOA)%Nº Acções

355.719.00039.09%355.719

59.150.0006.50%59.150

56.420.0006.20%56.420

42.406.0004.66%42.406

42.133.0004.63%42.133

37.219.0004.09%37.219

28.028.0003.08%28.028

24.206.0002.66%24.206

22.022.0002.42%22.022

20.839.0002.29%20.839

20.202.0002.22%20.202

Caixa Angola

20.111.0002.21%20.111

19.110.0002.10%10.110

18.928.0002.08%18.928

18.018.0001.98%18.018

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927

17.927.0001.97%17.927
Totais910.000.000100%910.000

As acções têm um valor nominal de 1.000.